Após a pessoa ter vivenciado um ou mais eventos em que sentiu medo intenso, impotência ou horror, ela começa a reviver aquele(s) momento(s) como se estivesse acontecendo novamente, na forma de pensamentos, sonhos ou imagens.

A pessoa pode “apresentar evitação persistente de estímulos associados ao trauma e entorpecimento da responsividade geral, o que é indicado por esforços em evitar pensamentos, sentimentos ou conversas associadas ao trauma, esforços em evitar atividades, lugares ou pessoas que lembrem o trauma, incapacidade de recordar algum aspecto importante do trauma, redução acentuada do interesse ou da participação em atividades significativas, sensação de distanciamento ou afastamento em relação a outras pessoas, redução da capacidade de dar ou sentir afeto ou, ainda, sensação de estreitamento das possibilidades do futuro.

Também podem ocorrer sintomas de hiperexcitabilidadee, como dificuldade em adormecer ou manter o sono, irritabilidade ou crises de raiva, dificuldade de concentração, hipervigilância ou resposta de sobressalto exagerada”.
(Rangé; Masci, 2001).

A psicoterapia cognitivo-comportamental , bem como o EMDR são as técnicas mais recomendadas nestes casos.






Entre em contato

Ficou interessando em alguns dos nossos serviços ou gostaria de entrar em contato, deixe seu comentário no formulário abaixo


clinica@psicologiasensus.com.br
47 3322-8860
Rua Mal. Floriano Peixoto, 55 Ed. JUMA - sala 507. Centro - Blumenau